ARTIGO OFICIAL DE CANDIDATURA DE NOSRIAL OLEM A PRESIDENCIA DO eBRASIL.



Quem é Nosrial Olem

Nasci no novo mundo no dia 16.02.2009, convidado por Sitenl. Logo me interessei pelo jogo, principalmente pela sua área política. Logo que pude fui congressista, pela USB, e no outro mês de novo, pelo mesmo partido. Então decidi voar céus mais altos e tentar a presidência do partido, fui derrotado por Mahdi Cleitus, que já era antes meu amigo de jogo e a partir daí apenas estreitamos laços. Tanto que fomos juntos a tentativa de presidência do país logo após. Falhamos. Conseguimos cerca de um quarto dos votos totais. Enquanto corri a presidência e logo após perder na disputa, percebi que o poder no eBrasil estava indo em círculos, sempre as mesmas pessoas, e denunciei isso com poucas palavras. Alí quase abandonei o jogo, porém projetos me fizeram continuar. Uma empresa pessoal estava prosperando e as eleições estavam chegando. Perdi as eleições para congressista mas ganhei amigos que me mostraram que o eRepublik é um jogo com infinitas formas de ser jogado. Entrei na eGuerrilha, quer era, de início, apenas um grupo de mercenários, e voltei a me interessar ao jogo, ali descobri pessoas ótimas como nuutxer, andman, estreitei relações com thiago_sum e tantos outros. Juntos nós tentamos conquistar o Uruguai, falhamos, e tenho certeza que agora estão tentando conquistar outro lugar. Não me desliguei totalmente da guerrilha, apenas “tranquei minha matrícula” assim dizendo. O meu foco é o eBrasil. Agora que os que mandavam e desmandavam saíram do país, ele ficou meio sem rosto, sem rumo, e estou aqui para consertar isso. Como o farei vocês conferem nas propostas abaixo.

Presidente Nosrial Olem
Vice Polonsky
(mais informações num artigo a seguir)

----- Economia. Andman

Um dos empresários mais bem sucedidos do eBrasil, andman sabe de verdade mexer no MM e em empresas em geral. Além da manutenção dos planos empresariais do governo passado, temos como o Foco deste mandato como Ministro da Fazenda é principalmente em relação ao valor da nossa moeda e à arrecadação de Gold´s de um jeito que não possa prejudicar a nossa economia.

Arrecadação de Gold
- A Arrecadação se dará pela oferta de BRL e não pela compra direta de gold no Mercado Monetário, fazendo isto poderemos arrecadar Gold de forma segura e com mais transparência possível sem variações de preços no mercado.
-A Estabilização da moeda nacional no patamar de 0,031g a 0,032g por 1 brl, quando se oferta o BRL diretamente no Mercado Monetário o correto é ser em pequenos montantes ao dia, a fim de evitar que a nossa moeda possa voltar a desvalorizar decorrente de várias ofertas que possam ser feitas com o valor abaixo do esperado de 0,031 a 0,032, a partir do patamar de 0,030 será feita o cancelamento das ofertas pelo governo afim de voltar a fortalecer (valorizar) a nossa moeda ao patamar já dito neste texto.
-Toda a arrecadação de gold pela ORG Ministério da Fazenda feita no dia XX será transferida no mesmo período XX a Org. Controle nacional, tendo em planilha o total de BRL ofertado e total de gold arrecadado, no qual, todos poderão ver se realmente se encontra aquele valor na org.
-Infelizmente não será feito o uso do Gold nacional para realizar operações de SWAP de outras moedas, isso é, especulação no Mercado Monetário, mas por que ? O motivo é simples, operações de especulação tendem a conter riscos e lucros e o dinheiro nacional não é para se apostar, sem contar que iria gerar um bafafá que poderia desestabilizar o governo.

Estatais
-Enxugamento da maquina estatal, em tempos de guerra iremos dar prioridade a todas as estatais de armas do país assim como de passagens, outras estatais ou terão sua paralisação ou serão reduzidas. Sendo também de responsabilidade as estatais de armas do Exército Brasileiro no qual enviará um pedido ao Ministro da Fazenda para a transferência de valores necessários para a manutenção das mesmas.
-Estatais, sendo de responsabilidade do Presidente da Republica, sendoque o memso que irá repassar fundos (através da Org. Controle Nacional) e nomear pessoas para administração das mesmas.

Estimular e ajudar novos empresários
-Estudo de viabilidade da introdução do BNDES, sendo um fundo soberano disponibilizado dentro da Org. com o mesmo nome BNDES para financiar empresas (novas ou em funcionamento) e projetos não-governamentais para o desenvolvimento industrial do eBrasil, sendo este plano discutido no CBSE, tendo o seu contrato produzido pelos mesmos e estudado pela Presidência e Ministro da Fazenda a sua viabilidade, estimulando também o crescimento econômico nacional. Vale ressaltar que contratos serão feitos e aulas serão dadas para os novos empresários ou para empresários em dificuldade.
-Entrada de um secretário da fazenda que será o responsável por gerir o CBSE e viabilidade do BNDES
-Somente o Ministro da Fazenda e o Presidente da Republica terão acesso à Org. Ministério da Fazenda.

Convenção Brasileira Semanal de Economia
- Fundação da Convenção Brasileira Semanal de Economia (CBSE), O nome já diz bastante. Toda semana o Ministro da Fazenda ou Secretário da Fazenda, Presidente, donos de empresas e empregados interessados estão convidados a um chat o qual será discutido como vai a economia do país, e quais rumos são os certos a serem tomados e a viabilidade do BNDES. Após o chat todo seu LOG (registro de conversa) será postado num jornal oficial do governo para toda população ler e assim ser tomadas as medidas necessárias.

-----Comunicação Vinicius Torves

Ele será responsável por toda área de comunicação do governo. Trará updates diários, ou quase, sobre os acontecimentos do eBrasil na visão do governo, além de planos e comunicados oficiais. Outro projeto que será posto em prática de novo é do IETV que visa não só ampliar o poder da mídia eBrasileira mas também aumentar a interatividade entre os jogadores.


----- Social CivMasters

O programa social a ser adotado é um semelhante ao do governo salgado, porém sem os gifts as empresas privadas. A prioridade dos gifts é para os novatos, e juntos com os mesmos será mandadas uma mensagem personalizada, dependendo de seu wellness, sua localização e de seu trabalho, dando instruções para manutenção de um alto wellness. Além disso as casas da empresa estatal serão distribuídas gradativamente entre os novatos, por meio de concursos para aumentar a interatividade e o interesse no jogo.
Junto com isso tudo a cada 2-3 dias será postado um índice dos tutoriais já escritos e/ou novos tutoriais, mais completos, sobre os temas do jogo.
Além disso, o governo dará apoio ao babyboom, continuando e dando suporte ao projeto iniciado por Cavalcanti, para uma tentativa de aplicação urgente, visto que precisamos de mais gente nos postos de trabalho e para nosso exército. Muito mais sobre o social será incluído em um artigo futuro.

------ Relações exteriores Gahnkaz
O eMundo vive um momento muito delicado. Alianças estão sendo quebradas enquanto outras firmadas. Mais do que nunca é interessante ao eBrasil não ser um país inimigo direto de ninguém, para evitarmos um ataque surpresa e fulminante. Quanto a África do Sul conversas irão continuar, sendo que não é pretensão do governo devolver território algum apenas por devolver, sem nenhuma condição de subordinação ou de pagamento direto aos cofres eBrasileiros.

PEACE
Indiscutivelmente, aumentar a influência e voz na PEACE. O eBrasil é um país que já se mostrou poderoso e útil a PEACE muitas vezes e, não digo nunca, porém poucas vezes fomos favorecidos, se compararmos o quanto ajudamos. Logo já é mais do que necessário que o eBrasil seja mais respeitado na aliança, para prevenir atos como o ataque as Canárias (o primeiro, que era pra valer) onde não tivemos ajuda alguma, quando ficamos apenas ajudando Rússia, Indo, França e Portugal a atacar a America do Norte.

AHA
O eBrasil é relativamente novo nesta aliança. Vamos sentar, analisar e discutir com os outros países formas de fortalecer-nos juntos, tirando possibilidade de ataques por outras alianças.


------- Militar NinjaVelho

Trabalho Militar Obrigatório
O programa de trabalho militar proposto no governo Darkvenom será obrigatório, porém com limite de idade, apenas a partir de X dias no eR que será obrigatório. São exatos 3 dias por mês trabalhando a 1brl em uma das empresas designadas. Gifts e/ou food serão ofertados para manutenção de um alto wellness, e o serviço poderá ser a qualquer momento cancelado em caso de emergência maior.
Como o exército está grande e há os casos de reservistas, complica caso todos vão ao trabalho de uma só vez. De início, integrantes receberão MPs para entrar nas empresas, assim melhorará o controle. As empresas de armas e ferro serão remanejadas, se localizando nas ORG’s dos seus respectivos batalhões, ajudando assim o controle.
O grande ganho é a economia do governo nessa área, e quanto mais dinheiro economizarmos mais dinheiro faremos, aplicando em outros lugares. E assim teremos uma sacola de dinheiro maior em casos de emergência.

Nova divisão do exército
A divisão atual do exército, nas duas ORGS existentes está boa, é verdade. Porém ainda há como melhorar. Usaremos o exército como uma forma de maior inclusão de novatos, dividindo os grandes batalhões em pequenos grupos, de início de 20-30 pessoas. O objetivo disso é:
1.Facilitar a distribuição de armas. – As armas seriam distribuídas aos líderes, que repassariam aos seus soldados.
2.Aumentar o contato do cidadão com o exército. – A intenção é que os soldados tenham contato direto com o líder, tendo ele como referência e falando com o mesmo direto, entenderá mais do jogo.
3.Facilitar convocação em uma possível emergência. – O exército junto com o novo órgão (eIBGE, você confere mais sobre ele no final) irá cadastrar o maior número de exércitos possíveis, com nome (ao menos o primeiro) da RL, numero de celular e email. Caso haja uma incrível emergência como um TO evidente (pouco provável após essas eleições presidenciais, graças a cidadania, porém ainda sim possível) ou então um ataque súbito (da Espanha na região norte, por exemplo), os chefes de batalhões mandam SMS para os líderes, que mandam SMS para os soldados. Claro, isso tudo online com custo 0 de preferência.

Criação de novos TANKS brasileiros
Outro projeto que será implementado é a da criação de novos TANKS brasileiros.
Com a saída de vários Tanks para a eAustria, o eBrasil perdeu parte da sua força militar, precisamos recuperar essa força e expandi-la, e há duas formas de fazer isso, Babyboom e aumento de patentes. Este governo estimulará ambos.
Eles serão formados com financiamento governamental, por ordem de proximidade com a patente FM e sua força. Eles não serão formados em guerras diretas envolvendo o território brasileiro, como um ataque a Espanha ou uma defesa da região Norte. Serão formados em ajuda aos aliados em outras batalhas. Além disso vale frisar que os que estejam interessados em virar tanks, precisarão ter um trabalho militar mais rigoroso, a fim de ter proporcionalmente o mesmo privilégio de um soldado raso enquanto aumenta a patente. Mais detalhes no próximo artigo.

------- Pesquisa Gustavo Chagas
Assim como na minha ultima proposta, instaurarei o eIBGE, cuja a simples função é ver o perfil do eBrasileiro ao decorrer do meu mandato, seus pensamentos e sugestões, tendo como propósito um engrandecimento de conhecimentos em torno da causa que me guia, que é melhorar de vez o eBrasil.



Este é o fim deste artigo. Qualquer dúvida, sugestão, basta comentar, me mandar mensagem ou me achar nos chats do eBrasil, para quem no conhece são:
#EBR no rizon do IRC
[email protected] no MSN


Este é um candidato apoiado pelos seguintes partidos:


Caso tenha gostado, favor votar no artigo in-game
http://www.erepublik.com/en/article/...em-877209/1/20