Página 1 de 3 123 ÚltimoÚltimo
Resultados 1 a 10 de 23

Tópico: Portugal f**** o Brasil ??

  1. #1
    braziliangirl
    Guest

    Portugal f**** o Brasil ??

    Bom , outro dia estava falando com uma amiga minha portuguesa e começamos a discutir sobre a colonização.Não chegamos a um acordo e agora pergunto a vocês se Portugal realmente estragou o Brasil.

  2. #2
    Artista da MPB
    Data de Ingresso
    May 2009
    Posts
    2.031

    Re: Portugal f**** o Brasil ??

    bem,portugal de fato fudeu o brasil na RL,mas isso é historia do erepublik


    Uploaded with ImageShack.us

  3. #3
    Senior Member Avatar de ldguedes
    Data de Ingresso
    Jul 2009
    Localização
    Salvador
    Posts
    439

    Re: Portugal f**** o Brasil ??

    portugueses era poderosos, hoje sao apenas donos de padarias


    Ninguem nos vence em vibração

  4. #4
    Carl Gustaf
    Guest

    Re: Portugal f**** o Brasil ??

    depnde mto, eles até q estavam investindo no brasil mesmo sendo uma "colonia"(isso na epoca do reino unido de portugal, algarves e Brasil) o brasil estava ficando forte, ai por isso varios portugueses com medo da independencia do Brasil começaram a revolução do porto q tirou o poder da familia real e fez o Brasil se transformar em colonia estrativista denovo :/

  5. #5
    John Dragon
    Guest

    Re: Portugal f**** o Brasil ??

    Citação Postado originalmente por Lucas-DG Ver Post
    portugueses era poderosos, hoje sao apenas donos de padarias
    koapkaopakap

    ----

    Voltando pro tópico: acho que Portugal fez o que qualquer país imperialista faria com sua colônia: explorar. Mas isso foi até o ano de 1808. Depois, com a vinda da Familia Real, foi que o Brasil começou a desenvolver, e nós devemos muito do que temos hoje à essa fuga deles. Muita gente diz que seriamos um país melhor se fossemos colonizados pelos Espanhois ou Ingleses. Para ter a resposta é só olhar pros nossos vizinhos que foram colonizados por esses países. Hoje o Brasil é a 9ª maior economia do mundo, e isso graças aos portugueses. Só que o mais engraçado de tudo é que, lá em Portugal, eles nem dão tanto valor assim à conquista do Brasil, esse periodo da história é muito pouco citado pelos livros portugueses.

    Abraços o/

  6. #6
    Member
    Data de Ingresso
    May 2009
    Posts
    197

    Re:Portugal f**** o Brasil ??

    Eh portugal F*deu com o Brasil..
    mas vale lembra tb que se nao fossem eles a certo tempo atras "ainda" estaríamos andando de tanguinha por ai.. hehe

    [center][/center]

  7. #7
    byamada
    Guest

    Re:Portugal f**** o Brasil ??

    Portugal nao fodeu o Brasil... se fossemos colonizados por outro pais (Inglaterra, França, Espanha, Holanda) ia ser a mesma merda...
    O que fodeu é o nosso clima e a riqueza das nossas terras. O Brasil foi uma colonia extrativista, ou seja, como nossa terra é rica, nos usaram só pra tirar as coisas e mandar pra Europa.
    No caso dos EUA, a colonização foi de povoamento por isso estão mais evoluidos.

    Basta olharmos para outros paises tropicais colonizados pelos Europeus, a maioria é pior que a gente. Na América as colonias da Espanha... o Caribe foi colonizado por ingleses, franceses, holandeses, os paises da Africa, da Ásia.

    A única excessão é a Austrália que começou a ser colonizada somente no final do século XVIII

  8. #8
    Artista da MPB
    Data de Ingresso
    May 2009
    Posts
    2.031

    Re:Portugal f**** o Brasil ??

    byamada@
    perfeito.


    Uploaded with ImageShack.us

  9. #9
    John Dragon
    Guest

    Re:Portugal f**** o Brasil ??

    Citação Postado originalmente por byamada Ver Post
    A única excessão é a Austrália que começou a ser colonizada somente no final do século XVIII
    Mas a Austrália é o que é hoje porque não valia a pena torná-la colônia de exploração. Mais de 80% do território dela é DESERTO, e só com o custo da viagem até lá você já perdia todo seu lucro.

    A Australia virou colônia de povoamento assim como os EUA. Para os EUA foram mandados os perseguidos e inuteis que não serviam mais para a coroa e para a Australia foi mandado o que sobrou. Como eles não tinham o que fazer, e não podiam voltar para a Inglaterra, resolveram fazer da Australia seu novo lar e viraram amiguinhos dos cangurus.

    Dai você lê isso e acha que seria bom sermos colônizados pela Inglaterra, olha o exemplo da India. O caras foram lá e ARRUINARAM o país. Tentaram fazer com a China também, mas ela foi mais esperta.

    Moral: fique feliz com a colonização que você teve: podia ser pior!

    Abraços o/

  10. #10
    Ex-Presidente do Brasil Avatar de ItsMeYoshi
    Data de Ingresso
    Jul 2009
    Posts
    1.201

    Re:Portugal f**** o Brasil ??

    eba, mais um prato cheio pra mim e eu pensei que ser historiador num tinha função prática haha

    sinceramente, eu não fico satisfeito com a divisão entre colônias de povoamente x exploração. É mto estruturalista, e pressupõe que houve um "sentido da colonização" geral, quando na verdade os projetos coloniais eram mto mais diversos que a gente imagina. Pra quem fica satisfeito só com o estruturalismo marxista, tá bom, mas eu acho que é mto mais complexo que apenas esses 2 modelos

    só pra dar alguns exemplos, dizer que o objetivo das colônias na América do Norte não era dar lucro é besteira. A Inglaterra e a França, ambas, tiveram políticas de exploração dos recursos tanto das 13 colônias quanto da Nova França, inclusive através do exato mesmo sistema de plantation que existiu no Brasil (nas colônias sulistas inglesas e no Louisiana francês). Quando não foi através da monocultura exportadora, foi através do extrativismo (de peles, por exemplo), que era controlado por grandes corporações européias (as famosas Cias Das Índias), e todas as atividades eram altamente taxadas pela coroa

    ou seja, as 13 colônias (que depois viraram os EUA), a Nova França (Québec, Canadá), a Austrália, todas essas colônias foram tão exploradas quanto o Brasil. O objetivo das potências européias era o lucro, sempre. Era o mundo do mercantilismo: Inglaterra, França, Espanha, Portugal, Holanda, todos procuravam colônias pelo mesmo objetivo - lucro.

    O povoamento das colônias foi efeito colateral. Enviar despatriados para as colônias era política comum em todos os países europeus. Prisioneiros, exilados, perseguidos políticos e religiosos, todos esses foram enviados pras colônias por basicamente todos os países europes. Portugal SEMPRE enviou seus bandidos pro Brasil - mais especificamente, pro Sul, já que enviar maus elementos para centros econômicos não era muito inteligente. Pernambuco e Bahia eram centros produtores ricos, então os prisioneiros portugueses eram enviados pra capitania de São Vicente. É por isso, por exemplo, que a população da vila de São Paulo, por muito tempo, não contava com nenhuma mulher européia - apenas indígenas e expatriados portugueses (as mulheres não sofriam essa pena). Os exploradores vicentinos eram basicamente ex-bandidos portugueses que não tinham como sobreviver além de entrar na floresta pra buscar pedras preciosas, ouro, ou índios pra vender como escravos. (atualmente, esses caras são conhecidos como "bandeirantes", esse é o nome que eles receberam no século XIX, quando a elite paulista estava em ascensão por causa do café, e precisava criar um passado glorioso no qual se espelhar)

    Da mesma forma, o brasil teve a primeira colônia judaica das Américas. Até hoje, a primeira sinagoga do continente está em Recife. Os portugueses enviavam seus "novos-cristãos"(judeus convertidos) para o Brasil. Eles fizeram colônias em Fernando de Noronha, no interior do sertão, etc. Até a década de 40 ainda havia vilas no sertão aonde quase só se falava hebraico.

    OU SEJA, dizer que algumas colônias foram "de povoamento" e outras foram "de exploração", e que isso explica pq algumas ex-colônias se desenvolveram, e outras não, é simplista demais. Todas as colônias foram exploradas, e todas as colônias foram povoadas pelos "indesejados" dos países europes.

    A teoria do "sentido da colonização", esse modelo de colônias exploração x povoamente, foi criada na década de 40 pelo famoso Caio Prado Jr., um historiador marxista que era realmente fantástico, e até hoje é um dos "clássicos" da historiografia brasileira. No entanto, a preocupação do Caio Prado era achar as "raízes" do subdesenvolvimento latino-americano, e por isso acho que seu trabalho tem que ser entendido apenas dentro desse espectro, e não como explicação absoluta pra realidade atual brasileira, ou de qualquer país que seja. Pra entender a colonização que houve em cada país, é preciso entender sua especificidade. O modelo do Caio Padro pode até ajudar a entender, mas pode também atrapalhar (ao criar unidades que eram inexistentes, por exemplo, colocando a américa espanhola e portuguesa "no mesmo saco")

    Muita gente no Brasil aprendeu a teoria do Caio Prado Jr na escola, e nem sabe que isso é marxismo estrutural quase puro (de ótima qualidade). Isso porque o Caio Prado foi professor da USP por um tempão, e um dos focos dele era exatamente a didática, por isso mtos dos seus alunos de doutorado e mestrado depois foram escrever livros didáticos que são usados nas escolas até hoje. O pessoal aprende sobre colônia de exploração x povoamento e acha que é a "verdade", e não uma generalização cujo único objetivo era problematizar a relação América Latina x EUA, criando uma identidade regional "latino-americana", o que era um dos objetivos da esquerda daquela época. A direita naqueles tempos não queria saber de América Latina, eles queriam saber de Estados Unidos, a direita queria solucionar os problemas do Brasil trazendo soluções da europa e dos EUA. A esquerda, no entanto, queria mostrar que aplicar soluções européias/estadunidenses era apenas imposições imperialistas, pq os problemas do Brasil eram diferentes, os problemas da América Latina eram outros do que os dos EUA e da Europa, exatamente pq nós fomos "colonizados através da exploração", ou seja, haveria tb uma "dívida histórica" européia com a região. Além do Caio Padro Jr, outro livro mto bom sobre esse tema é o "Veias abertas da américa latina", do Eduardo Galeano. Os objetivos são os mesmos - criar razões comuns para o sub-desenvolvimento latino-americano, dando força pra grande proposta da esquerda, que era a integração dos povos latinos ao redor de causas comuns, contra os europeus exploradores, etc. Enfim, é uma proposta interessante daquele momento histórico mto intenso.

    No entanto, temos que problematizar melhor esse modelo pra não esquecer da complexidade e especificidade dos processos históricos, e pra não cair na teleologia. O primeiro ponto é que a colonização não determina o desenvolvimento ou sub-desenvolvimento de um país. O processo de independência, as classes hegemônicas posteriores, a criação de projetos nacionais, a força das burguesias nacionais, tudo isso é tão importante quanto para entender porque alguns são desenvolvidos e outros não.

    Só pra dar um exemplo claro: até a década de 1860, o Paraguai era o país mais desenvolvido das Américas (era equivalente aos EUA em industrialização e tinha uma população apenas um pouco menor, além de ter níveis de alfabetização bem superiores). A colonização já tinha acabado há meio século, e o Paraguai era extremamente desenvolvido. No início do século XX, a Argentina era a sétima maior economia do mundo, com níveis de desenvolvimento equivalentes a qualquer país europeu (um bom exemplo é que, entre 1900 e 1920, houve uns 2 argentinos que ganharam prêmio nobel, de química e física).

    OU SEJA, a colonização não "determinou" quem é desenvolvido e quem não é. A colonização não foi o que definiu quem "se fudeu" e quem "se deu bem". Houve fatores que vieram da colonização e que, sem dúvida alguma, ajudam a entender alguns problemas comuns de certas regiões do mundo. Mas muitos países simplesmente superaram esses problemas e esbarraram em outros, enquanto continuam em paradigmas similares, etc. Basicamente, a colonização serve como REFERÊNCIA, mas não como FATOR DETERMINANTE para entender um país.

    Ou seja, alguém começou esse tópico perguntado se "Portugal fudeu o Brasil". Minha resposta é: Não, Portugal não fudeu o Brasil. A colonização não fudeu o Brasil. Portugal e sua colonização CRIARAM o Brasil, mas foram os brasileiros e suas escolhas que o transformaram no que é hoje.

    Aliás, vale a pena mencionar, eu nem acho que o Brasil tenha se fudido, entaum eu nem concordava com a pergunta pra começar :P
    Peace at Home
    PEACE in the World

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •