Página 1 de 4 123 ... ÚltimoÚltimo
Resultados 1 a 10 de 31

Tópico: O Brasil está se fascistizando?

  1. #1
    Ex-Presidente do Brasil Avatar de ItsMeYoshi
    Data de Ingresso
    Jul 2009
    Posts
    1.201

    O Brasil está se fascistizando?

    OI GENTE!

    Escrevi um mega wall-text pra responder o Vinicius na discussão sobre o Hitler, que está bem interessante. NO ENTANTO, eu acabei levantando uma outra discussão, e acho que merece um tópico só pra isso.

    Aproveitem

    Citação Postado originalmente por Vinicius_Santiago Ver Post
    Pra não ficar em muitas análises (principalmente pq não vou ficar brigando com historiador):

    Alemanha fudida pós 1ª guerra: economia ferrada, desemprego, moral da população era lenda.

    Chega um caboclo falando que eles não são fudidos, eles só tem líderes subservientes e que com o partido dele a porra toda vai crescer e ele sabe como fazer isso. Ou seja, eles SÃO fodas mas ESTÃO fudidos.

    Qualquer imbecil com tendencia depressiva ou fudido na vida vai dar crédito ao cara.... todo o resto é conveniência como quando sabíamos que podia dar merda invadir a austrália mas estávamos empolgados: esquecemos a racionalidade e somos tomados pela emoção.

    Filme "A Onda"(é alemão) pra ficar numa referência que não seja um livro de 200 ou mais páginas.

    Em suma, nem gênio (do mal) nem louco: a pessoa certa, na hora certa, com a intenção errada.
    esse filme é bem bom, eu também gostei bastante. Aliás, é uma re-filmagem de um filme americano da década de 70, recomendo assistir os 2 (num é difícil de achar, principalmente a versão alemã que é do ano passado eu acho)

    tipo, a explicação do vinicius resume mto bem a essência do nazi-fascismo, e as principais razões por trás da popularidade do partido nazista

    tem um outro fator muito importante, no entanto, que eu gostaria de colocar: o medo.

    Uma das principais armas do nazi-fascismo foi instigar o medo nas pessoas. Eles souberam usar isso muito bem. Se você mostra pras pessoas que todo o estilo de vida delas está em perigo imediato, que a sociedade inteira está ameaçada de alguma coisa, as pessoas aceitam basicamente qualquer solução necessária.

    No início, os nazistas usaram a "ameaça comunista" (que era bem concreta, não se esqueçam que não fazia mais de 15 anos desde a revolução bolchevique na Rússia, e havia muitos comunistas na Alemanha, tanto que em 1919 houve uma tentativa de Revolução que quase deu certo, liderada por Rosa Luxemburgo e outros. O partido comunista alemão era o mais forte e numeroso do mundo, graças a uma enorme rede de sindicatos poderosos, além de intelectuais e estudantes).

    Enfim, a "ameaça comunista" foi uma grande arma dos nazistas. Os primeiros grupos das SA (braço armado do partido nazi) iam nos sindicatos dar porrada em líder sindical, acabavam com as greves no porrete (literalmente), e reprimiam qualquer manifestação que fosse considerada uma "ameaça à ordem social". Isso pegou bem em muitos setores da sociedade. Os grandes industriais passaram a financiar os nazistas (eles davam muita grana mesmo), e assim não precisavam ter medo de greve. A classe média alemã, muito tradicional, não gostava dos ataques à religião e ao seu meio de vida, eles não queriam ser "incomodados" por comunistas, homossexuais, nem nada disso. Ou seja, os nazistas foram ganhando apoio através do medo e graças ao incômodo que os movimentos progressistas alemães causavam na sociedade.

    Os nazistas começaram na Bavária, em Munique especificamente, região que é até hoje o centro do conservadorismo alemão. Muitos nazistas inclusive se recusaram a ir pra Berlim quando o partido ganhou tamanho, porque Berlim era uma cidade metropolitana moderna, cheia de cabarés, prostitutas, homossexuais, teatros "progressistas"(como brecht), estudantes revoltados, intelectuais de esquerda, e claro, mtos comunistas e judeus.

    Quando os nazistas finalmente tomaram o poder, os primeiros perseguidos foram os comunistas, prostitutas e homossexuais. Só quando eles se livraram desse "perigo à moral alemã", aí sim eles foram atrás dos judeus, que eram os próximos da lista. Aí o hitler criou a "ameaça judaica", aproveitando o sionismo (uma ideologia de alguns setores da comunidade judaica, criada no fim do século XIX) pra criar uma enorme teoria da conspiração de que os judeus queriam controlar o mundo, coisas assim.

    Enfim, é importante lembrar: o medo é uma arma poderosíssima. Quando a sociedade está com medo pela sua própria existência, aceita quase qualquer coisa, inclusive a violação de muitos de seus valores mais fundamentais. Acho que é aí que a gente pode aprender algo com a história.

    O nazi-fascismo utilizou o medo pra criar uma sociedade militarizada, racista e ditatorial, que acabou resultado no genocídio de milhões de pessoas.

    O macartismo, na década de 50 nos Estados-Unidos, usou o medo da "ameaça comunista" pra perseguir intelectuais e acadêmicos de esquerda, artistas "alternativos" e até personalidades de Hollywood, além de todo tipo de líder social (mtos líderes de movimentos negros que lutavam pela igualdade social foram taxados de "comunistas" nessa época)

    O movimento "neocon" nos EUA, e o governo Bush Junior, usaram o medo do terrorismo pra criar leis que permitem às agências de inteligência invadir a privacidade de basicamente qualquer pessoa, inclusive sem ordem judicial em caso de "segurança nacional". Movimentos sociais que organizavam protestos em visitas do Presidente eram todos monitorados, movimentos ambientalistas e de direitos humanos, como greenpeace, também passaram a ser monitorados. Toda a privacidade da internet foi quase anulada. Foi através do medo que o Bush e os neocons conseguiu convencer a população americana a entrar num frenesi militarista, começando duas guerras que beneficiaram, principalmente, as grandes corporações de segurança terceirizada, e as empresas de construção norte-americanas (além das corporações de petróleo, claro). Todas essas empresas beneficiadas foram, claro, grandes financiadores da campanha do partido Republicano. Foi graças ao medo dos "terroristas" que os EUA aceitaram Guantanamo, aceitaram torturar prisioneiros, etc, etc. Tudo em nome da "guerra contra o terrorismo".

    Pois é, o medo é uma arma política poderosa. Quando os grupos de interesse (empresas, partidos políticos) sabem usar o medo da população, eles conseguem coisas quase inacreditáveis.

    Só pra trazer a situação pro Brasil - o Brasil é, atualmente, uma sociedade quase dominada pelo medo, e isso é MUITO perigoso. Faz anos e anos que a gente é bombardeado pela mídia com imagens de violência, os traficantes com metralhadoras anti-aéreas, os sequestros-relâmpago, as chacinas nas favelas, as balas perdidas por toda lado, etc, etc. Veja bem, não estou dizendo que essa violência não é real! A Alemanha antes do nazismo realmente tinha um movimento comunista muito forte, e pode-se dizer que existia uma "ameaça" de verdade. Os EUA realmente foram atacados por terroristas. No caso do Brasil a violência é real, beleza. Mas o que é interessante entender, é quando um problema social real se transforma em medo generalizado quase irracional. Eu tenho uma amiga na faculdade, a menina tem 22 anos, de classe média, e o pai dela mandou blindar o Peugeot 206 dela (que é um carro quase popular). Isso é medo irracional.

    Enfim, vale a pena pensar nisso. A sociedade brasileira vive no medo. Faz mais de uma década que o medo vem sendo cultivado entre nós. Ao invés de discutir soluções, ao invés de questionar as bases do problema, ao invés de ir atrás de soluções públicas, da sociedade inteira, para um problema que é de todos, as únicas soluções oferecidas são as individuais (blindar o carro, comprar alarme e cerca pra sua casa, etc, etc). A grande questão, então, é essa: o que o medo está fazendo com o Brasil? Nossa sociedade, atualmente, aceita que a Polícia use um tanque de guerra dentro da cidade (o famoso caveirão nas favelas). A sociedade aceita que um policial entre atirando em bairros pobres, pq é "dominado por traficantes". A sociedade acredita que todo mundo que morre nas operações militares eram "traficantes", mesmo sabendo que, quando a polícia atira com rifles automáticos e está com um tanque de guerra no meio de uma área densamente povoada, é muito provável que uma boa parte dos mortos sejam apenas "perdas colaterais". O Brasileiro está com tanto medo irracional da violência, que o Policial torturador e assassino virou herói nacional - Capitão Nascimento na cabeça!

    A violência existe, mas a sociedade brasileira não está combatendo ela de verdade. O que está acontecendo é um "boom" na indústria de segurança privada, e uma Polícia cada vez mais agressiva. Eu estou nos EUA trabalhando em uma organização de direitos humanos, a Human Rights Watch, e num relatório mto recente sobre o Brasil, os dados são assustadores. A Polícia do Rio de Janeiro, por exemplo, matou 10.000 pessoas nos últimos 10 anos. Cada ano, esse número sobe. Muitas das mortes foram com tiros à queima-roupa na nuca, ou seja, não foi em tiroteio, foi execução policial. Desde quando é aceitável que a Polícia mate ao invés de prender? O medo faz o brasileiro aceitar uma polícia assassina. Ah, vale a pena mencionar - os crimes só subiram no mesmo período analisado. Ou seja, polícia assassina não resolve o problema.

    Desculpem pelo mega wall-text de novo hauhauahua mas eu queria fazer uma comparação histórica interessante. Existem alguns estudos brasileiros que já indicam que a sociedade brasileira está se fascistizando. A mídia, a TV e os jornais, cada vez mais sensacionalistas, se preocupam apenas em criar medo e divulgar atos de violência, e não há uma discussão social séria sobre como resolver de verdade as raízes dos problemas. Achar bodes expiatórios (os favelados) é típico de uma sociedade que não consegue reconhecer suas próprias falhas. Isso tudo acontece ao mesmo tempo em que movimentos sociais são criminalizados. O MST, por exemplo, já virou sinônimo de criminoso. Quando o MST destrói umas laranjeiras em Minas Gerais, a mídia dá uma cobertura ampla desse "ato de violência absurda", como se as árvores fossem vítimas, eles humanizaram as laranjas, enquanto os favelados que morrem todo dia, assassinados muitas vezes pela polícia, são apenas "suspeitos de serem traficantes", como se isso não exigisse investigação, como se aqueles não fossem seres humanos! Enfim, humanizam as laranjas e desumanizam os favelados.

    Talvez essa seja uma discussão bem mais interessante que Hitler - o Brasil está se fascistizando? Quanto de nossa liberdade vamos abrir mão em nome da "segurança"?
    Peace at Home
    PEACE in the World

  2. #2
    Senior Member Avatar de nuutxer
    Data de Ingresso
    May 2009
    Localização
    Fortaleza
    Posts
    2.251

    Re:O Brasil está se fascistizando?

    Depois criarei uma enquete proibindo walltexts no Off-Topic.
    [CENTER] [/CENTER]

  3. #3
    Ex-Presidente do Brasil Avatar de ItsMeYoshi
    Data de Ingresso
    Jul 2009
    Posts
    1.201

    Re:O Brasil está se fascistizando?

    Citação Postado originalmente por nuutxer Ver Post
    Depois criarei uma enquete proibindo walltexts no Off-Topic.
    é só me banir :P
    Peace at Home
    PEACE in the World

  4. #4
    Senior Member Avatar de vinicius santiago
    Data de Ingresso
    May 2009
    Localização
    São Paulo
    Posts
    8.757

    Re:O Brasil está se fascistizando?

    Juro que até o ano novo eu leio...

    Se bem que eu já tenho minha promessa pra 2010: tentar cumprir o que prometi em 2009 :P
    Novos jogadores: Meu referrer no vNations Venha ajudar na luta.
    Minha dica pra você: Largue o eRepublik, fique no fórum e vá ler uns livros.
    P.S.: Ainda na eterna luta contra as matronas do politicamente correto.

  5. #5
    Senior Member Avatar de Megaduck
    Data de Ingresso
    May 2009
    Posts
    416

    Re:O Brasil está se fascistizando?

    gostei do texto, interessante, mas acho que falta o líder carismático no Brasil para ele virar um país totalitarista

  6. #6
    Ex-Presidente do Brasil Avatar de ItsMeYoshi
    Data de Ingresso
    Jul 2009
    Posts
    1.201

    Re:O Brasil está se fascistizando?

    Citação Postado originalmente por Megaduck Ver Post
    gostei do texto, interessante, mas acho que falta o líder carismático no Brasil para ele virar um país totalitarista
    pelo menos alguém leu huahuahua

    a grande discussão, que vc levantou mto bem, é sobre a necessidade do tal do "líder carismático". Mas olha só, o que está ocorrendo em mtos lugares do mundo não é o mesmo que o nazi-fascismo. O fascismo, do jeito que foi, não irá se repetir exatamente igual, o que há são tendências "fascistizantes"

    A essência do fascismo é um movimento de massas que reprime qualquer discordância social ou política e que utiliza alguns setores da sociedade como "bodes expiatórios" para os problemas sociais. É um regime que impõe o "interesse coletivo" e não tolera qualquer diferença individual ou de minoriais. Claro que o "interesse coletivo" é determinado por algum grupo dominante dentro da sociedade fascista.

    é isso que eu quis dizer com "fascistização". Não acho que teremos o fascismo exatamente igual como houve 60 anos atrás. Não haverá um novo Mussolini nem nada disso, mas os efeitos poderão ser os mesmos.
    Peace at Home
    PEACE in the World

  7. #7
    ThiagoMaster
    Guest

    Re:O Brasil está se fascistizando?

    Concordo com a parte do medo como estávamos discutindo no msn, só achei que você deu muito foco a isso, claro que o medo deu um grande impulso pro nazismo mas sem o nacionalismo exacerbado entre outros fatores não teriam causado tal resultado. Ou seja, o medo é um dos meios de se atingir um fim, não dá pra conseguir alguma coisa usando apenas ele.

    A parte que você falou sobre o Brasil foi brilhante, é definitivamente uma questão que deve ser levantada, estamos apenas evitando o problema em vez de solucioná-lo. A polícia apenas vai e mata alguns bandidos, não seria muito melhor se o homem não tivesse virado bandido? Eu apoio a invasão das favelas, prisão/morte de traficantes, penso que é um mal necessário, sei que vidas inocentes serão tiradas, mas essa invasão e o ataque policial precisa ser acompanhado de um complexo projeto social para cortar esse mal pela raiz, assim dispensaremos outras investidas policiais e a violência terá uma queda extraordinária.

  8. #8
    TaylerCassiano
    Guest

    Re:O Brasil está se fascistizando?

    O que que realmente significa "fascistizado"???

  9. #9
    Senior Member Avatar de NinjaVelho
    Data de Ingresso
    May 2009
    Localização
    Rio Grande do Sul
    Posts
    978

    Re:O Brasil está se fascistizando?

    concordo com o nuutxer

    "The world is the war not have a victory and a lose" - Parmalat, Jan/09

  10. #10
    John Dragon
    Guest

    Re:O Brasil está se fascistizando?

    Aí o hitler criou a "ameaça judaica", aproveitando o sionismo (uma ideologia de alguns setores da comunidade judaica, criada no fim do século XIX) pra criar uma enorme teoria da conspiração de que os judeus queriam controlar o mundo, coisas assim.
    Não foi Hitler que criou a teoria da conspiração judaica mundial. Essa teoria já existia bem antes dele se tornar figura política alemã. O que Hitler semeou na cabeça dos alemães era que os judeus, por deterem grandes volumes de capital e possuirem grande influência na mídia (o que de fato era verdade), estavam enfraquecendo a Alemanha e fazendo com que ela decaisse. Aproveitando-se do fato de considerarem os judeus como povo "inferior" ou "destruidor", Hitler propôs o exterminio deles para reaver o que era da Alemanha "de direito".

    A Polícia do Rio de Janeiro, por exemplo, matou 10.000 pessoas nos últimos 10 anos. Cada ano, esse número sobe. Muitas das mortes foram com tiros à queima-roupa na nuca, ou seja, não foi em tiroteio, foi execução policial. Desde quando é aceitável que a Polícia mate ao invés de prender? O medo faz o brasileiro aceitar uma polícia assassina.
    Vocês estão analisando os fatos por uma perspectiva errônea e desfocada. Perspectiva de quem não convive dia-a-dia com os acontecimentos. Vocês analisam apenas o que sai no jornal e com isso não conseguem entender a complexidade do sistema de segurança pública. Não é tão simples assim. Não é só contar números e generalisar as causas.

    Vocês já pararam para analisar quantos policiais são mortos todos os dias? É um número ASSUSTADOR. Muitas vezes eles são executados dentro do próprio domicilio, na frente da esposa, dos filhos, e essas mortes nem divulgadas são. Um policial hoje em dia ganha em média R$600. Com essa renda tão baixa, é comum eles morarem próximos ou dentro de favelas. E você acha que isso é justo? É justo que eles arrisquem a vida para TE proteger, arriscando também a estrutura da própria familia, para ganhar 600 reais e ainda ser tachado de assassino?

    Uma coisa que você com certeza não sabe é que existe um regulamento que PROÍBE qualquer força pública de fazer o uso de armas mortais pelas costas ou antes de sofrer ameaça à vida. Ou seja, o policial tem que esperar ser morto para poder atirar. Justo não? Seria tão simples ir lá e prender o "cara". Isso se não levassemos em conta que até chegar nesse "cara", se formos seguir o que é políticamente correto, a gente já morreu umas 5 vezes.

    O pior é que os bandidos sabendo disso se aproveitam da situação. Utilizam os próprios moradores da favela como escudo e ainda usam isso para desmoralizar a polícia.

    É claro que nem todo polícial é mocinho. Assim como nem todo favelado é vítima.
    O MST, por exemplo, já virou sinônimo de criminoso. Quando o MST destrói umas laranjeiras em Minas Gerais, a mídia dá uma cobertura ampla desse "ato de violência absurda", como se as árvores fossem vítimas, eles humanizaram as laranjas...
    O MST hoje deixou de ser um movimento em prol dos menos favorecidos e tornou-se um movimento para ganhar dinheiro. Como assim? Eles não lutam pela reforma agrária?

    O governo tem um departamento para cuidar das reinvindicações do MST. O governo confisca terras ilegais e distribui para essas pessoas do MST seguindo uma certa ordem em uma lista. O problema é que MUITAS vezes a mesma pessoa entra nessa lista 3, 4 vezes para receber um pedaço de terra, sendo que elas já receberam antes.

    Em uma entrevista ao lider do MST, ele disse que "a criação de gado poluía a atmosfera, e por isso eles lutavam contra os grandes fazendeiros". O movimento já está tão banal, que ao ser perguntado o que eles fariam com a terra, o mesmo lider respondeu: "nós vamos plantar comida para alimentar nossas familias e também vamos produzir leite...". Peraí! O leite vem de onde mesmo?

    O Brasil está sim com medo. Medo este que ele mesmo alimenta.

    Abraços o/

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •